Heello

As redes sociais russas competem (e ganham em qualidade) com as redes sociais do Mark Zuckerberg.

vk.com e o ok.ru são os mais populares e com melhor qualidade, inclusive tendo versão em quase todos os idiomas e aplicativos para quase todas as plataformas.

Desde 2010 temos a opção de usar também o heello.ru, que já foi uma das redes sociais mais ativas e com mais usuários. Isto antes de os administradores começarem a fazer mudanças radicais no site e fazerem com que as pessoas fugissem da rede social.

151A6FB3-A5E0-4E4D-AC57-986B663C8092

 

Foram tantas as vezes que mudaram todo o site que nem conseguíamos mais reconhecer ele. Mas agora fizeram a mais radical de todas as mudanças, não só mudaram a aparência e formulação do site como apagaram todas as contas existentes nele!!!

Ficou bem mais simples e fácil de usar, mas é outro site, outra rede social. Vai demorar bastante para cair nas graças dos internautas. Eles tem sorte que existem muitas pessoas que realmente preferem que não tenha tanta gente olhando oque postam!

Espero que parem de mudar um pouco, não gostaria de ter que abandonar um site que uso desde que foi criado, mas espero também que volte a ter bastante usuários, porque é necessário muitas pessoas para formar uma comunidade!

https://heello.ru/

Anúncios
Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Nova Rede Social MeWe

Com o anúncio do fim da rede G+ do Google, os usuários tem migrado para a nova MeWe.

A MeWe não rastreia os usuários e tem chat totalmente criptografado, dando uma segurança extra para o internauta. Ainda tem páginas de mídias importantes como a FoxNews, e o NewYorkTimes, além de diversos veículos de outros tipos de mídia como humor, música, fotografias…

É uma ótima opção para quem não quer cair na mesmice de tantos leigos digitais que só usam os sites que já vem instalados nos dispositivos com Android. O Facebook, WhatsApp e Instagram são os piores sites das suas categorias e com muitos usuários que não sabem escrever, pesquisar ou ao menos usar um mínimo de educação. Só tem a seu favor o fato de ter muitos usuários. 

Existem milhares de sites e aplicativos com muita tecnologia e qualidade, além de ocuparem pouca memória e nos dar muitas opções de conteúdo e ferramentas para fazermos um bom uso do nosso tempo e intelecto. Pesquisem nas lojas de aplicativos o TelegramOKVK e tantos outros.

 Clique aqui: 

MeWe, sem rastreamento e outras bobagens.

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Reduto de xirús!

Florianópolis transformou-se em uma espécie de paraíso para os gaúchos de baixa renda que decidem abandonar o estado.

Costumo visitar parentes por lá e sempre encontro mais gaúchos do que catarinenses. Muitos foram trabalhar, mas a grande maioria foi só para mudar de ambiente mesmo.

A cidade é ótima e a ilha está repleta de belezas naturais. Povo educado, cordial, tem um pouco menos de crimes (devido ao fato de só ter um lugar por onde sair), porém é bem mais caro viver em Floripa do que em Porto Alegre.

O maior problema da ilha é o consumo de drogas, que é terrível. Lá parece que é moda parecer doente, ser um viciado. As autoridades não se empenham em combater o uso de substâncias psicoativas nas praias e centros urbanos.

 

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Voltamos!

 

Finalmente após tantos anos de espera estamos de volta com novas publicações.

Espero prestar um bom serviço à comunidade.

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Greve de policiais na Bahia

As polícias civil e militar do estado da Bahia entraram em greve e já se registram saques, assaltos, tumultos e vários homicídios na capital.
Serviços de segurança pública não podem parar. Isso é inadmissível. Autoridades competentes tem obrigação de indiciar os responsáveis pela paralização por omissão em todas as ocorrências criminais  que por lá estão acontecendo.
Onde está a força tarefa nacional que tanto serve de propaganda para o governo federal?

Posted from WordPress for Android

Publicado em Uncategorized | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Comando da Brigada Militar acaba com iniciativa da sociedade para conter crimes no litoral gaúcho

No Rio Grande do Sul uma iniciativa da sociedade das localidades de Xangri-lá e Capão-da-Canoa para auxiliar no combate a assaltos e arrombamentos que consistia em utilizar o efetivo das empresas de segurança patrimonial que fazem rondas pelas vias e denunciavam à Brigada Militar sobre ocorrências e atividades suspeitas, foi interrompida por ordem do comando da instituição.
A ação vinha diminuindo a incidência de crimes contra o patrimônio em até 80%.
É uma atitude no mínimo estranha, uma vez que a polícia pede que a sociedade denuncie as ocorrências.
Espera-se que isto não venha a causar aumento na incidência da criminalidade no litoral gaúcho.

Fonte: Rádio Gaúcha-RBS

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Pirataria aumenta, mas a mídia reporta o contrário

Piratas somalis?
Por: Chema Caballero | 17 de fevereiro
2014
Ataques piratas longo tempo
aos navios no Oceano Índico ou
Mar Vermelho não aparecem na
mídia. Longe
são os dias em que este tipo de
notícias abriu as notícias ou eram
páginas dos jornais.
Isto pode ser indicativo de
o número de ataques de piratas em
África tem diminuído consideravelmente.
Isso decorre do relatório anual
o International Maritime Bureau
(IMB) Pirataria e roubo
armado contra navios.
Números que mostram documento
falar dos ataques de 79
piratas ocorreu perto de África
em 213, apenas 15 foram atribuídos a
Somalis. Esta é uma grande
diminuir a partir de 2012 foram 75 e
em 2011, havia 237.
Estes números fazem conceber
esperanças para o
Ataques piratas somalis e sem
representam o perigo do passado e
que pode estar no processo de
desaparecem.
Foto
Bartamaha.
Segundo o IMB, a segurança privada
baros acompanha o
operações internacionais
patrulhas e aumentando
influência e colaboração do governo
Somália tem sido fundamental neste
reviravolta.
No entanto, Timothy
Walker, Instituto de invertigador
Estudos de Segurança Africano (ISS),
divergir essa impressão geral. O
chave para ele é que o
estatísticas não refletem a realidade da
o que está acontecendo a coleta
muito menos incidentes que
ocorrer.
Ele reconhece que a IMB
verdadeiro número de ataques de piratas
ela pode ser maior. A principal razão
fornecido não é reconhecida em
casos uma vez que muitos dos
proprietários das empresas que
pertencem barcos recusar-se a
ataques ou tentativas de relatórios
seus navios podem sofrer como este
implicar custos e atrasos adicionais
enquanto o incidente é investigado. Isto é
por isso que o IMB adverte que o
relatório mostra sem fim,
de forma convincente, que o problema de
pirataria em África é
decrescente.
O mesmo relatório indica que anterior
Pirataria na África Ocidental,
especialmente nas águas ricas
campos de petróleo da Nigéria,
Gabão, Costa do Marfim e Togo,
significou 19% de todos os ataques
Ocorreu no mundo. Chama IMB
Piratas nigerianos responsáveis
de 31 dos 51 ataques ocorreram em
da região, especialmente
violento.
Tenha em mente que, apesar de
que os ataques de piratas perto
da costa da Somália tem
caído, as causas são
não atrás de pirataria. A baixa
Controle do Estado, a falta de
oportunidades econômicas e legais
a ausência do Estado de Direito são
elementos que ainda não foram
resolvido e que a pirataria
área poderia voltar a escalar se
patrulhas navais foram reduzidos.
No caso de o Golfo da Guiné, a
razões existentes para
surgimento de pirataria não são
muito diferente da Somália,
embora nestes países, a presença
Estado é maior. No entanto, o
marginalização de grande
segmentos da população, a pobreza
eo desemprego, a falta de
oportunidades para subir na
escala social, o surgimento de
grupos criminosos, um estado
repressor percebida nomeadamente
Muitos elementos têm resultado
violência, crime e
adquirir uma grande economia ilícita
aceitação social em muitas áreas
costa da Nigéria, principalmente.
Nesta nova forma de sobrevivência
envolvendo tanto as elites locais
os mais marginalizados.
Para o Golfo da Guiné corre grande
quantidade de óleo, minerais,
madeira ou produtos agrícolas. Por
Portanto, o aumento da pirataria
esta área pode ter um impacto
viver na economia da região
e proporcionar grandes benefícios para
grupos por trás dele.
A intervenção forte e decisiva
pirataria internacional
Somália tem muitos frutos é
difícil pode ser jogado no
Golfo da Guiné, entre outros motivos
porque os recursos dos países são
limitada e esta operação seria
transferência de ativos de uma área para a
outro. Embora os grandes interesses
EUA econômico e
União Europeia na região poderia
justificar a intervenção, talvez este
concentrar mais no trabalho
em conjunto com os governos do
área e incentivar a formação de
pessoal local a ser responsável pela
patrulhas e julgamento deste
crime.
Alguns
especialistas
não
são
de acordo com a avaliação incidentes
ocorreu na costa oeste da
África como a pirataria, uma vez
para não ocorrer no mar, mas
das águas territoriais da Nigéria ou
Estados vizinhos, de acordo com a lei
Roubos internacionais iria entregar
armado. Esta é a opinião de Marcos
Munson, oficial de inteligência
EUA, por exemplo.
Estes ataques ocorrem em águas
terra, ao contrário do
Piratas somalis, tem muito diferentes
conseqüências. Uma delas é que o
segurança dessas águas é
responsabilidade estado.Por que,
não poderia produzir uma resposta
semelhante ao organizado internacional
na Somália, sem a
consentimento dos governos do
área.
Além disso, o Golfo da Guiné é l
região movendo mais
tráfico de drogas, seres humanos ou
armas no mundo, que muitos
Às vezes, a implicação da
agentes de segurança, políticos e
o que os governos locais e nacionais.
Este envolvimento dos atores locais
em ações criminosas atrás
de acordo com Vanda Felbab-Brown,
Centrer pesquisador para 21
Século e Inteligência, que este é
outro motivo para ser muito
intervenção mais difícil
interesses internacionais, como desajeitados
orçamento de muitas pessoas.
No final de Janeiro concluiu o 22
Sessão Ordinária da União Africano
(UA), em que foi adotado o Plano
Para Africano marítima integrada (AIM).
É um plano de ação
estará em vigor até 2050. O
primeira fase (2015-2025) é
dedicado aos mares e oceanos
continente e da UA convidou todos
organizações econômicas
planos regionais para tomar contra
pirataria, assalto à mão armada e outros
discutir as atividades ilegais
no mar.
Este plano é a primeira tentativa
Africano puramente por handle
continente segurança marítima sem
depender da intervenção
estrangeira.
AIM promove, entre outras medidas,
melhorar o padrão de vida de todos
grupos sociais, especialmente
populações costeiras, colocando
e enfatizou que a regulação e
questões e recursos de gestão
Marine não pode ser controlada pelos
alguns sectores ou indústrias
seleccionado.
Este último ponto é muito importante
porque todos nós sabemos que, se
realmente quer acabar com o
problema da pirataria, tanto
Somália e no Golfo da Guiné,
não ser suficiente intervenção
internacional ou capacitação
policiais e militares
países da região. Como em muitos
outras situações que você tem que atacar o
verdadeiras raízes do problema:
pobreza, marginalização e
corrupção. Todas as outras medidas
não deixa de ser patches que nunca
Eles fugir com a pirataria.

Piratas Somális – El País

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário